Ação

Mais potente, BMW S 1000 RR 2015 chega ao Brasil

Quando foi lançada, há seis anos, a superesportiva S 1000 RR estabeleceu novos parâmetros para as motocicletas superesportivas. O modelo continua sendo referência, entretanto, para a versão 2015, aBMW quer ir além: torná-la a mais rápida do mundo e também a mais versatile. A superesportiva que foi apresentada ao mundo noSalão de Colônia, em outubro de 2014, chega às lojas no Brasil em fevereiro por R$ 75.900,00 (vermelha e preta) e R$ 78.400,00 (tricolor).

O visual recebeu retoques em todos os componentes, da carenagem à lanterna. Mas o que faz com que a S 1000 RR tenha tantos fãs pelo mundo é seu comportamento dinâmico, em outras palavras, é um modelo que você pode comprar na loja e que irá te aproximar muito de uma moto de corrida.

Para a nova geração, o motor de 4 cilindros e 999 cc foi aprimorado. Agora, ela conta com 199 cv de potência (6 cv a mais que o modelo anterior) e a curva de torue foi otimizada, entregando 11,5 Kgfmde torque máximo aos 10.500 giros. Graças a mudanças no mapeamento da injeção eletrônica, no trabalho do cabeçote e na geometria dos dutos de admissão o motor consegue entregar a potência total mais cedo, aos 4.500 giros, diz a marca.

Veja a avaliação: BMW S 1000 R, a naked por excelência

O sistema de escape também foi alterado, não apenas para expelir os gases com maior eficiência, mas agora utiliza materiais mais leves, que fizeram com que o modelo emagrecesse. Além disso, o chassi tmbém foi modificado, segundo a BMW para melhorar a rigidez e flexibilidade. Com a nova estrutura, a moto teve o entre-eixos e ângulo de esterço alterados, além de eleminar 4 kg, chegando a 204 kg em ordem de marcha.